Preceptor de AYÁ - Formação Profissional

®edsonmoreira
PRIMEIRO MÓDULO - Expressões Culturais.

Com certificação do ĀYĀ – Amazon Yogāśram com sede em São Paulo/Brasil sob a responsabilidade dos Preceptores: Edson Moreira e Vanderléa Jovino.

Muitas são as maneiras de uso do AYÁ e a versatilidade do método dá ao Preceptor condições de explorar livremente o suporte já que a prática não tem roteiro, não é simétrica, nem repetitiva, não tem séries lógicas nem regras especificas e muito menos critérios de execução que visem um balanceamento das expressões corporais.

Quase tudo é permitido e quem governa a sessão é a sensação do praticante quando submetido aos apelos dos três circuitos gravitacionais. A facilidade da execução das expressões permite-lhe alcançar uma grande permanência em cada manifestação logo na primeira realização. A permanência com isometria muscular e articular, gera no praticante uma ardência profunda no corpo e permite ao espírito pessoal de cada praticante, realizar os ajustes mentais feitos necessários para o caminho da retidão espiritual. A meta advém fito de abrir o sacro libertando a kundaliní, e o coração, para alcançar o que se espera do Yoga, a fusão da personalidade com o Espirito pessoal.

PRECEPTOR DE AYĀ

Assim é, o AYĀ vem de dentro para fora e por essa razão é que não pode ser ensinado genuinamente pelo preceptor. O que principiamos nas sessões são pequenos lampejos dessa luz que somente pode ser acessada pela própria pessoa, e libertada pelo próprio espírito pessoal, já que somente ele, o espírito, tem a chave da revelação do Yogi. Conquanto possamos ajudar não pomos as mãos.

O PRATICANTE 

Mesmo sem experiência prévia, conhecimento do corpo e

sobretudo da mente, o praticante na primeira sessão consegue se expressar com grande facilidade e realiza movimentos inimagináveis. Assim acontece por conta das inúmeras percepções espaciais para ver os objetos ao redor e ver-se a si mesmo interagindo com o espaço/tempo. A relação espiritual é mantida pelo controle das atrações gravitacionais por parte do Pai Universal, do Filho Eterno e do Espírito Infinito. Essas forças são constantes e exigentes, todavia, as expressões inteligentes do praticante permite-lhe alcançar sempre o que espera do espaço/tempo, pois seu corpo está posicionado de maneira confortável cabendo a ele sempre o poder de decidir quando cada pequena oração está concluída. Não há esforço a mais para ficar sentindo cada expressão e por isso o resultado é sempre alcançado pelo prazer, já que ele sente a contraparte da gravidade que é a leveza. 

A SESSÃO 

Cada sessão é impar e jamais se repetirá. O teatro incita atingir o júbilo nupcial entre o Espírito e a Personalidade para fomentar o desenvolvimento de todas as qualidades que irão alimentar a alma do praticante. Os três circuitos gravitacionais do: Pai

Universal, do Filho Eterno e do Espírito Infinito é o segredo. Tudo é obtido pela auto-entrega.

Não precisa ser amanhã o efeito, no ÁYÁ é agora!

ORIENTAÇÃO ESPACIAL:

A verticalidade, a lateralidade a horizontalidade e as diagonais do espaço tridimensional que nos circunda conferem ao ser humano linhas de movimentos e comunicação com os três Pais e dá-nos

perspectivas diferentes dentro da mente permitindo, no mesmo tempo, ver cada distúrbio por diferentes ângulos. Assim, antes de reacionar, buscar curas e interferir nos processos pessoais que acabam de surgir, o praticante numa sessão, pode descobrir que o fato não é tão grave assim, portanto, cessa a pressa, a apreensão e muitas vezes não foi preciso fazer nada para cessar o incômodo.

OS EFEITOS:

Os circuitos das gravidades controlam, alimentam e mantém os universos. Aquele que perceber essas três força-presenças em suas vidas podem sentir o quão maravilhoso é o AYÁ ao mostrar os apelos do Espírito nos ajustes dos pensamentos. Quando conhecemos a nossa origem, ficamos mais habilitados para entendemos a nossa natureza pessoal. As dúvidas desaparecem porque a luz chega e estabelece a paz tão aspirada por todos. O melhor, é saber que a mente é uma dotação do Espírito Infinito e que vida se dá dentro dela, portanto ela é um dos melhores presentes advindo de Deus.

PROGRAMA:

A liberdade que perdura, funda-se na realidade da justiça — inteligência, maturidade, fraternidade e eqüidade.

Não confunda a liberdade com a banalidade, esta é sempre insuficiente no estabelecimento de qualidades que alimentem a alma.

  • Ambiência Orgânica – mais que uma prática, uma organização na vida
  • O conceito AYĀ, cuidar do aluno sem imposição e orientar sem por as mãos
  • Os 4 aspectos do AYÁ – Cultural, Cênico, Orgânico e Filosófico
  • O que é o ĀYĀ? Ādhāra, mas que um suporte, é uma tomada de consciência da vida natural e espiritual
  • Os três circuitos gravitacionais: o da personalidade, o da espiritualidade e o da mente
  • Qual público? Todos podem praticar porque o esforço é diminuído na execução das expressões presenciais.
  • Como é a prática? Isométrica, suave, assimétrica, respiração silenciosa e expressões espontânea
  • Os efeitos - São imediatos porque o praticante consegue realizar e permanecer na posição com prazer.
  • Onde pendurar o AYÁ: tetos, tronco e galhos das árvores, vigas de madeiras...
  • Os 11 níveis da redāya: dva pāda, dva āsita, dva hasta, dva viparita, dva graha e eka jalika
  • A nomenclatura sânscrita – os nomes de Śiva batizam as expressões na prática
  • Atitude mental na: Inconsciência, subconsciência, consciência, para-consciência e supra-consciência
  • As dificuldades desaparecem com a prática, a confiança volta e o praticante se estabelece pleno
  • Planos e ângulos tridimensionais - o praticante ordena, a mente coordena e o corpo intende e faz
  • Antropologia - A assimetria é a natureza dos movimentos fora do plano linear criado pelo homem
  • A sinergia com a natureza ativa o toróide do sacro, coração, garganta, fronte e culmina na coroa com o despertar
  • Comungar com os nossos aspectos invisíveis: Alma e Espírito, propicia a ascensão pelos 7 círculos
  • A gravidade traciona o corpo em todas as expressões, por isso eliminamos as dores
  • Atitude mental para com o Espírito – a retidão e alcançada pelos ajustes dos pensamentos na direção do Pai do Paraíso
  • A bhāvanā no coração com os seis seres invisíveis: Anjo, Alma, Ajustador, Pai, Filho e Espírito Infinito
  • Medo, vertigem e pânicos não impedem a prática no ĀYĀ, ao contrário, são emoções aliadas para a evolução e desenvolvimento
  • O balanço desperta a criança interna e facilita a transição do ser-animal para o ser-humano
  • Os sete espíritos ajudantes da mente: identifique-os, chame-os, desenvolva-se, dote-se e libere-os.
  • A circulação do sangue, a capitação do prāna e a produção de serotonina embriaga o praticante, por isso a prática é tão agradável
  • Quem pode ser Preceptor de ĀYĀ? Qual idade e status social
  • A livre expressão do praticante é YogaLivre
  • Liberdade e Retidão – Descubra-se livre e opte pela verdade, bondade e beleza em cada ato de vida
  • O mais importante é alcançar a posição sem esforço, com segurança e estabilidade
  • A segurança do equipamento transcende a necessidade do uso calculado, portanto entregue-se e confie
  • Os cuidados com o suporte assegura a sua vida.
  • Concentrar, mais que um ato mental é uma ajuda ao anjo custódio do sopro divino.

7 dias de formação, 6 horas diárias:

 

 

Similar posts:

Curso de Formação em Svātantrya Yoga - Professores

My Instagram

@edsonvan